segunda-feira, 1 de setembro de 2014

Capitulo 19 - O susto (Parte 2)


´´ O que você disse? - Disse, porém entendi muito bem o que ele tinha falado. - Eu.. eu..  Não pode ser! ´´ 


 Julie ficou uns segundos desmaiada, eu continuei estático com o copo de água na porta, assim que ela acordou eu me toquei que eu tinha que ajudar. Fui até ela e as meninas e as ajudei a coloca-la na cama até que ela ficasse bem.
-Você está bem Ju? - Kate perguntou preocupada.
-Pronta pra outra.
-Vira essa boca pra lá menina - Sophie falou desesperada, batendo na porta.
-Não acha melhor ir á um médico?
-Não! Eu estou bem já.. Só um desmaio.
-Mais você se lembra que você passou mal de manhã? Lembra Julie? - Minha voz estava saindo travada, eu fiquei preocupado com minha menina.
-Gente, eu estou bem. Não preciso de médico nenhum, se nós formos ele vai fazer exames e falar que foi só uma queda de pressão.
-Não acho que foi isso. Porque como disse Justin você já passou mal de manhã.
-Ai ta bom.. Eu vou, mais vocês vão ver, não foi nada!
-É disso que eu gosto Ju! Finalmente você concordou com a gente.
-Mais eu só vou se eu puder ir no banheiro agora, porque eu estou apertada! - Rimos. Incrível como ela melhorou em tão  pouco tempo.
 Ela foi até o banheiro, quando voltou eu, Sophie e Julie fomos para o carro, e direto para o hospital mais próximo. Não demoramos para ser atendidos até porque não tinha quase ninguém.
-Então quer dizer que a mocinha passou mal de manhã e teve um desmaio agora à noite? - Ela balançou a cabeça.- Vou pedir para a senhorita fazer alguns exames, entre eles um exame de urina, e de sangue. Só que você vai ter que voltar amanhã em jejum para fazer o exame de sangue ok? - Ela soltou um "ok" baixo - Eu já volto. - O doutor saiu do quarto e Julie me olhou.
-Sério que eu vou ter que voltar aqui amanhã?
-Se você não estiver bem...
-Então isso quer dizer que eu não preciso vim?
-É claro que precisa Ju, temos que ver o que você tem - Disse Sophie.
-Nãaaao! - Julie brincou e abaixou a cabeça se "escondendo" entre as mãos.

 Pov Julie


 Passar mal duas vezes no mesmo dia? Eu sou craque nisso. Eu realmente não sei o que estava acontecendo comigo, ok que eu fiquei nervosa nas duas vezes, mas isso não é coisa que acontecia comigo antes.. Desmaiar, assim do nada?! Quando o doutor voltou fui obrigada a ir no banheiro para o exame de urina, coisa chata isso! Voltei, entreguei o potinho para o doutor, e eles falaram que se eu quisesse esperar, teria o resultado hoje mesmo, mais se eu quisesse ir embora seria melhor para voltar amanhã e já fazer o exame de sangue. Foi isso que eu fiz, voltei para casa e fui direto para meu quarto, acabei pegando no sono.
 Depois de uma semana os resultados do exame de sangue já estavam prontos, e eu fui pegar. Resolvi abrir os dois juntos assim não fico curiosa para saber o que realmente tenho.. Eu e Sophie fomos ao hospital para pegar os exames.
-Se eu tiver alguma coisa séria, o que será de mim?
-Ju, você não vai ter nada.
-Não sei né.. Ás vezes eu tenho alguma coisa sim, só essa semana eu já desmaiei, já fiquei enjoada... Isso pode sim ser alguma coisa séria.
-Que nada Julie. Não vai ser nada você vai ver.. Deve ser só alguma bobeira mesmo.
-Eu ainda acho que é alguma coisa.
-Julie Katherinne? - O doutor surgiu do corredor me chamando. Eu e Sophie fomos em direção dele que nos levou até a sala. - Pronta para ver os resultados?
-Não - Ri
-Por que não moça?
-Vai que é alguma coisa ruim né..
-Não, não.. Não deve ser nada de mais.
-Eu disse, não disse? - Sophie me encarou.
-Se fecha Sophie! - Rimos.
-Bom, então vamos abrir ok? - Assenti e ele começou a abrir os envelopes. Ele leu, releu, me olhou, olhou para Sophie, leu novamente, leu o outro.. Ele estava me irritando! Respirou fundo e começou a falar - No exame de urina, fala coisas que eu fiquei um pouco chocado. E no de sangue a mesma coisa..
-Fala logo o que é.. Eu aguento..- Fechei olhos
-Para um menina nova como você, quantos anos tem?
-Dezessete.
-Então, para uma menina nova como você isso vai lhe assustar um pouco e você vai precisar tomar muito cuidado.
-Eu já estou ficando curiosa - Sophie falou
-Você está grávida! - Por um momento o mundo parou. Senti tudo rodando, o que eu tinha ouvido? Eu grávida? Mais eu só tenho dezessete anos.. isso é impossível. Eu sou muito nova para ser mãe, eu não posso.. Nem uma casa eu tenho, como eu vou sustentar essa criança?
-O que? Você está brincando comigo não é? - Olhei com os olhos cheios de lágrimas para o doutor, pedindo misericórdia para que ele esteja só brincando comigo.
-Não, não estou brincando. A senhorita está gravida, e precisa agora fazer tudo certinho com um obstetra de sua confiança, e passar no ginecologista, pois você é muito nova e pode correr riscos durante a gravidez. - Eu estava chorando naquele momento. Não sabia o que fazer, Sophie me olhava assustada.
-Não pode ser, não! - A cada palavra que eu dava, mais lágrimas caiam.
-E esse filho é de quem?
-Só pode ser do Justin..
-Que? - Ela disse surpresa.
-Eu parei de tomar os remédios quando saí daquele inferno.. Só pode ser dele.
-E como você vai falar pra ele?
-Não vou falar.
-A mocinha não vai falar para o pai da criança? - O doutor já quis se intrometer.
-Não por enquanto... É, já posso ir não é?
-Pode sim, só faça o que eu te falei. Não quero ver a senhorita correndo riscos.
-Ok ok.. Vou fazer tudo certinho, por mais que eu não tenho idade para isso, eu vou fazer tudo certo..
-Isso mesmo. Agora já está liberada - O doutor sorriu, nos levantamos e saímos.
 Eu ainda não estava acreditando no que eu tinha acabado de escutar, Sophie parecia estar mais nervosa que eu. Fomos para o carro ( O motorista nos trouxe para cá ) e direto para casa, Pattie estava lá, como a semana praticamente toda preocupada comigo, acredite.
-Ju? O que você tem? É alguma coisa ruim? - Entrei de cabeça baixa. - Me fale menina.
-Não. Não é nada.. Como eu disse foi só uma queda de pressão porque eu fiquei muito nervosa.
-Seus olhinhos estão de choro.
-Mais eu juro que é isso. - Sophie me olhava.
-Certeza?
-Certeza! - Sorri de lado.
 Subi para meu quarto, Sophie veio atrás. Como Kate estava no corredor também veio atrás, entrei em meu quarto, cai na cama e comecei a chorar, mais não chorei pouco. Chorei tanto que meus olhos ficaram inchados. E ainda me perguntava porque isso tinha que acontecer comigo?! Primeiro é meu pai me entregar para o idiota do Richard, depois ficar presa em uma boate por dois anos, agora é : Finalmente sai daquele inferno e agora eu descubro que estou grávida. E da pessoa que nunca iria criar a criança.. Eu nasci pra sofrer é isso?
-O que aconteceu? - Kate perguntava para Sophie.
-Não conta para ninguém? Principalmente para Justin?
-Prometo!
-Pode Ju? - Assenti ainda com a cabeça coberta pelos travesseiros. - Grávida.
-Oi?
-Ela tá grávida. E ela acha que é do Justin.
-Não acho, é do Justin!
-Como tem tanta certeza Ju?
-É obvio que é dele. Eu só parei de tomar o remédio depois que eu vim pra cá, e eu transo com o Justin quase toda noite.
-Ai nossa Julie. - Kate ficou surpresa.
-Não gente,  eu não quis falar nesse sentido.. É que só pode ser ele o pai, ele foi o único.
-Pai de quem? - Pattie entra no quarto.
-É...
-Meu pai. - Sophie disse rápida.
-Seu pai? - Pattie perguntou desconfiada.
-Sim.. Eu me lembro que quando eu tinha dois anos meu pai saiu de casa e só ficou morando eu com minha mãe até agora. E eu acho que eu encontrei ele novamente, só acho.
-Sei. Cuidado em Sophie, e você Julie?
-Estou bem - Sorri nervosa.
-Qualquer coisa eu estou aqui. Mais está muito estranha essas história de pai. - ela piscou e saiu.
-Da próxima vez fecha a porta, coloca um pano no vão da porta, e vamos falar por mensagem.  - Falei e elas riram.
[...]
 Já era noite, Justin estava em casa mais não falei com ele, tinha medo de tudo sair pela minha boca assim de repente. Se eu tinha medo de eu falar e ele me expulsar de casa? É claro. Se eu tinha medo de eu falar e ele nem ligar? Claro, e o pior é ele saber que ele é o pai, ele vai ter o mesmo sangue que essa criança. Eu tenho medo do que ele pode fazer, eu não o conheço, nós não namoramos nem um mês..
-Julie? - Era só pensar que ele aparece.
-O..oi.
-E ai? Descobriu o que você tem?
-Fo..Foi só uma queda de pressão mesmo.
-Você fez aquilo tudo só pra ser queda de pressão?
-Pois é né.. Também não entendi.
-Tem mais alguma coisa pra falar?
-Não. - Senti meus olhos se arregalarem.
-Não mesmo?
-Não.
-Mais hoje você está bem?
-Estou ótima. - Justin veio caminhando até minha cama.
-Safada também?
-Talvez?
-Por que talvez?
-Por que você não me deixa safada? - Justin subiu na cama e ficou em cima de mim.
-Vou pensar..
-Três segundos para pensar.
-Ui.
-Vou tomar banho. - Me levantei da cama e corri para o banheiro. Justin veio junto, fechou a porta e ficou me olhando com cara de safado.





Mds demorei né? :o
Agora eu também comecei a postar a fic no spirit, mais vocês estão beeeeem adiantados ok? Não fiquem bravos comigo não :(
Demorei mais cheguei, cap pequeno e tal, mais eu queria fazer o capitulo só disso :)
Eu fiz a Julie ficar grávida agora por que vai acontecer uma coisa aii.. Huum, hsuahsua
amo vocês gente. Beijos. Logo eu volto com mais um cap :)
Continuo?

Amanda larrea : Pronto descobriu u.u continuei <3

Linda : Não é? shsauhsuas você não viu nada ainda haha u.u 

Anna laura : Awwns <3 assim eu vou ficar chorosa u.u, continuei amr

Anonimo : Descobriu :P postei <3